Paraíso Perdido nos Bolsos

by Pelos

/
  •  

1.
05:38
2.
3.
04:55
4.
5.
04:26
6.
04:14
7.
8.
9.
04:07
10.
02:26

credits

released November 7, 2016

Gravado no Estúdio Casa Antiga em Belo Horizonte, 2016

Produzido por Fabricio Galvani e Pelos

Pianos gravados no Minotauro Estúdio
Mixagem e masterização - Fabricio Galvani
Design e direção de arte - Robert Frank
Fotografia - Athos Souza
Modelo da capa - Débora Dias

Pelos são
Heberte Almeida - Guitarra e voz
Joymar BCastro - Baixo e voz
Kim Gomes - Guitarra e synth
Mamede - Bateria
Robert Frank - Voz, guitarra, violão, piano e synth

Participações especiais e instrumentos adicionais
Naipe de sopro em "De Outubro" formado por Ana Estrela (Sax), Jonatha Max (Trombone) e Pacíco Júnior (Trompete)
Coro em "Fausto de Gueto" formado por Julia Dias, Manu Ranilla, Lu D'aiola e Michelle Oliveira (solista)
Piano em "White Rose In Your Hair" por Leonardo Ramos
Voz feminina em "Onde Vivem Os Pássaros" por Daysi Pacheco
Sacolinha plástica Paranaíba e sintetizadores em “Eu Neon” e sintetizadores em “Tema #3” por Robert Frank
Sintetizadores em "De Outubro" e "Laura" por Kim Gomes
Ebow em "White Rose In Your Hair" por Fabricio Galvani e Kim Gomes

Revisão de inglês por Leonardo Ramos e Mariana Campos Carvalho

Contato
www.pelos.art.br
contato@pelos.art.br

tags

license

all rights reserved

feeds

feeds for this album, this artist

about

Pelos Belo Horizonte, Brazil

Formada em 1999 a Pelos, originalmente batizada de “Pelos de Cachorro”, nasceu no Aglomerado da Serra, periferia de Belo Horizonte, e tornou-se um dos nomes de destaque do rock na capital mineira, reconhecidamente uma das cenas mais pulsantes do gênero em todo o país. ... more

contact / help

Contact Pelos

Streaming and
Download help

Track Name: De Outubro
De Outubro
(Robert Frank, Heberte Almeida e Kim Gomes)

E aqui jaz
Se te faz mal
Seu silêncio é cedo
e me faz lembrar

De te aprisionar
Me santicar
E o meu sonho é medo
do seu ser noite em claro

Ou me acolher, continuar
Me escorre entre os dedos
Me evade com esse tempo

Ao seu julgar
Não continuar
Olho o sentimento
Me digo que então

Não sou quem te faz acreditar
Se em teu silêncio não fui um
Sempre pra te iluminar
E em teu silêncio se foi

Eu não sei se te faço mistério ou passado
O tempo passa e nada muda por aqui
Track Name: Fausto de Gueto
Fausto de Gueto
(Robert Frank, Heberte Almeida e Joymar BCastro)

E eu que bem sei quem sou
Tenho que manter
Os olhos bem abertos
Pra me defender

E esse receio
diz mais de você do que de mim
E você pode estar certa
Não vou me entregar

Minha pele me pertence
Não é um convite a me matar
Nem como ando, como falo
Somos o que somos

São tantas vozes

Não fico em silêncio
não me entrego ao medo
Não fico em silêncio
Não me entrego ao medo
Não só por mim
A casa grande vai desabar

Por Clementina, Caymmi
Punho cerrado, pés no chão
Por Mandella, por Zumbi
For all old blues men
Por meus pais

Nina o céu, Nina em terra
Dá-me um sono de um rei
Dá-me o sonho de um Ray
Um soul, um blues

São tantas vozes

Não fico em silêncio
Não me entrego ao medo
Não fico em silêncio
Não me entrego ao medo
Não só por mim
Sua casa grande vai ...
Quando todos gritam

Não fico em silêncio
Não me entrego ao medo
Não fico em silêncio
Não me entrego ao medo
Não fico em silêncio
Não me entrego ao medo
Não só por mim
Sua casa grande vai ...
Track Name: Tema #3
Tema #3
(Heberte Almeida, Robert Frank, Joymar BCastro)

E como dizer que foi real
Se não está mais?
E como viver
Se foi real e não está mais?

Quando me deitei era cedo
Um sonho lento
Em que recebo um sinal

E como tentei não me levar
Não mergulhar
E como busquei fazer real
me ancorar, mas fui seu
E corri, fui sugado
Pra beira do mundo
E me atirei, rasguei meu medo
Contra o outono do meu peito

Quando me deitei era cedo
Um filme insone
em que eu levo um tiro no final

Pra não acreditar
Track Name: Down The River
Down The River
(Robert Frank)

All I love I bring down
And I know I sing songs
Across the way that I believe it’s true
But the roads are strange now
With serpents from my dreams and soul

When We’re alone and the rain comes
The frozen bones and abandon
And the wounds that I believe are true
I’m leaving this world now
With serpents from my dreams and soul

Then I go down with destiny
with shame I played this same game
And life goes quickly without pain
I’m leaving this world now
I’m just one more idiot man

All my love is going down
Water, dreams and the ghost songs
And the wounds that I believe are true
I’m leaving this world now
With serpents from my dream and soul

You say that I won’t never go down the river
You say that these faces come for lack of love
And now those faces are killing and calling me
The wind is blowing
And we runaway

AllI love is going down
Water, dreams and the ghost songs
And the wounds bring true and everlasting pain
Across this world now
I'm just one more idiot man

The main course to the aborted soul
Blamed words and we back down
Abandoned taste in tears, spews and waves
Drop down to the endless land
Abortive dreams heading to the sea

You say that I won’t never go down the river
You say that these faces come for lack of love
And now those faces are killing and calling me
The wind is blowing
And we run away

From the ocean I see your face on the stars

--

Rio Abaixo

Tudo que eu amo eu trago abaixo
E eu sei que eu canto canções
Através do caminho que eu creio ser verdadeiro
Mas as ruas são estranhas agora
Com as serpentes dos meus sonhos e alma

Quando estamos sozinhos e a chuva vem
O frio nos ossos e o abandono
E as feridas que eu creio serem verdadeiras
Estou deixando este mundo agora
Com as serpentes dos meus sonhos e alma

Então eu sigo abaixo com o destino
Com vergonha eu joguei este mesmo jogo
E a vida se vai rapidamente sem dor
Estou deixando este mundo agora
E sou apenas mais um homem idiota

Todo meu amor está indo abaixo
Água, sonhos e canções fantasmas
E as feridas que eu creio serem verdadeiras
Estou deixando este mundo agora
Com as serpentes dos meus sonhos e alma

Você diz que eu nunca vou descer o rio
Você diz que esses rostos vem pela falta de amor
E agora esses rostos estão me matando e me chamando
O vento está soprando
E nós fugimos

Todo meu amor está indo abaixo
Água, sonhos e canções fantasmas
E as feridas trazem dores verdadeiras e infinitas
Através deste mundo agora
Eu sou apenas mais um homem idiota

O curso principal da alma abortada
Palavras culpadas e voltamos para baixo
Gosto abandonado em lágrimas, vômitos e ondas
Desça até a terra sem fim
Os sonhos abortivos estão seguindo para o mar

Você diz que eu nunca vou descer o rio
Você diz que esses rostos vem pela falta de amor
E agora esses rostos estão me matando e me chamando
O vento está soprando
E nós fugimos

Do oceano eu vi seu rosto nas estrelas
Track Name: Supernova
Supernova
(Heberte Almeida)

O que você precisa saber enfim
Todos os dias os bons e os maus
Apenas precederam

Tudo mais era uma longa espera
Pra te encontrar
Dias dispersos
inscreviam-se na escuridão

Ao encontro feliz desse amor
pude descobrir
Que era jovem demais
para não acreditar em nada
Track Name: Etienne
Etienne
Para Inês Etienne Romeu (Pouso Alegre, 1942 – Niterói, 2015)
(Heberte Almeida, Joymar BCastro e Robert Frank)

Eu queria a paz
Meu corpo vive o medo
Minhas mãos, meus olhos
Lançados nesse horror
Ao redor, ao redor

Bem eu espero
A dor vai passar
Meu orgulho é o que tenho
Teu ódio, teu vergonhoso olhar
Não me encontram agora
Não me encontram agora
Não me encontram agora
Não mais essa vez

O horror não dará fim
à vida, à memória
Não dará fim
à luta, à memória

O horror não dará fim
à vida, à memória
Não vai apagar
a memória
Track Name: Onde Vivem os Pássaros
Onde Vivem os Pássaros
(Kim Gomes)

Quando cansarmos da vida
Vamos para a beira do rio
Onde os pássaros são puros
E nos guiarão para outro mundo

No caminho para as estrelas
Nos transformamos em poeira
E a poesia lembra a tristeza
E o som do vento em meus sonhos

Onde uniremos no innito da alma
O nosso amor eterno
Onde uniremos no innito da alma
O nosso jovem amor eterno
Track Name: White Rose in Your Hair
White Rose in Your Hair
(Robert Frank / Leonardo Ramos)

Then try to feel this heat
forever, I know you can
like a truly and old dream

He's bleeding over her
great thoughts between this breathe
I came along this road

Sometimes I wander around
just to find a war

Inside this man
lives a rotten heart of a dead dreamer

Please, believe
Stay, with this white rose in your hair
Stay away, as long the tears fall
Stay, untill you’re falling down

I think I loved her
along this winding road
and I forgot her in a summer rain

the bliss of drowning in her
that makes me believe
and let me down again

Around this rotten man
Lives a promise of change

inside this head
lives a wish of your body and grace

Please, believe
Stay, with this white rose in your hair
Stay away, as long the tears fall
Stay, untill I come back home

- -

Rosa Branca em Seu Cabelo

Então tente sentir esse calor
para sempre, eu sei que você pode
Como um verdadeiro e velho sonho

Ele está sangrando sobre ela
Grandes pensamentos entre este respirar
Eu vim ao longo dessa estrada

Às vezes eu passeio ao redor
apenas para encontrar uma guerra

Dentro deste homem
vive um coração podre de um sonhador morto

Por favor, acredite
Fique, com essa rosa branca em seu cabelo
Fique longe, enquanto as lágrimas caem
Fique, até você cair

Eu acho que a amei
ao longo dessa estrada sinuosa
e a perdi em uma chuva de verão

O prazer de me afogar nela
que me faz acreditar
e me deixa pra baixo novamente

Ao redor desse homem podre
vive uma promessa de mudança

Dentro dessa cabeça
vive um desejo de seu corpo e graça

Por favor, acredite
Fique, com essa rosa branca em seu cabelo
Fique longe, enquanto as lágrimas caem
Fique, até que eu volte pra casa
Track Name: Eu Neon
Eu Neon
(Heberte Almeida)

Não ando só

Na hora escura eu te encontro
Dentro da noite, sem medo, sem assombros
Vivendo o que somos

Pra onde eu vou, aonde vou
Eu não sei
Mas agora já não ando só

Não ando só

O dia traz sol

Seus olhos, meus olhos negros
Na hora escura guardam segredos
E partir é sempre cedo

Pra onde eu vou, aonde vou
Eu não sei
Mas agora já não ando só
Track Name: Laura
Laura
(Robert Frank e Joymar BCastro)

And I know for the green and silver
Through her eyes
But the reason I don’t know

And the words then confuse me
I lost my mind
About your reasons
In you

And I know that you came
And I know that is too soon
And the brightness that you brought
And your lips made me fly
And now you’re gone
So let it all be quiet

And I called your name, you see
This morning when I crossed the road
And I couldn’t nd anyone

O amor vai nos encontrar no fim
E vai sorrir, nos segurar
Em um sonho eu vi se repetir
E o que sentíamos estava lá
O amor vai nos encontrar no fim
E o fim não é se despedir
De um sonho, um todo, ressurgir
E até lá, até lá ...

--

Laura

E eu sei pelo verde e prateado
Através dos seus olhos
Mas a razão eu não sei

E as palavras então me confundem
Eu me perco
Em suas razões
Em você

E eu sei que você veio
E eu sei que é muito cedo
E o brilho que você trouxe
E os seus lábios me fizeram voar
E agora você se foi
Então deixe tudo como está

E eu chamei seu nome, você viu
Essa manhã quando cruzei a estrada
E não pude encontrar ninguém

O amor vai nos encontrar no fim
E vai sorrir, nos segurar
Em um sonho eu vi se repetir
E o que sentíamos estava lá
O amor vai nos encontrar no fim
E o fim não é se despedir
De um sonho, um todo, ressurgir
E até lá, até lá ...